Curiosidades sobre os franceses, os queijos e uma loja de queijos “daquelas”

fromagerie

Em muitos aspectos, os franceses vivem como antigamente. Eles compram queijos na fromagerie (loja de queijos), frutas e legumes na feira, pão na boulangerie (padaria), doce ou sobremesa na pâtisserie (confeitaria), carne na boucherie (açougue), embutidos e carnes prontas na charcuterie, peixe na poissonerie (peixaria), temperos e conservas na épicerie e o que faltar, no supermercado.

Eles buscam o que há de melhor e mais natural em cada lugar. Para que simplificar se a gente pode complicar? Pois comecei a fazer assim também. Agora calcule quanto tempo eu gasto fazendo as compras da semana!

Quem compra queijo no supermercado são turistas e imigrantes. Quando algum francês o faz, pode saber que é para usar em alguma receita. A enorme maioria dos queijos vendidos no supermercado é pasteurizada, o contrário da fromagerie, onde os queijos “cheiram à fazenda”.

Aliás, camembert vendido em supermercado não pode se chamar camembert, pois é pasteurizado. Em algum lugar da embalagem vai estar escrito que é “tipo camembert”.

Ao meu ver, uma ida à uma fromagerie é um dos passeios mais legais para se fazer na França. Eu provaria um de cada tipo, pelo menos: cabra/chèvre, vaca/lait e ovelha/brebis. A partir daí, há uma imensidade de famílias (tipos de pasta/firmeza, de casca, entre outros) e isso daria assunto para um livro. Mas resumindo, a França tem mais de 300 queijos oficiais.

queijo brie de melun

Desde que cheguei aqui, li que a Quatrehomme é considerada a melhor fromagerie da cidade. Como já falei no meu post com dicas de o que fazer em Paris, sou mal acostumada nesse quesito. A Alléosse, loja de queijos em Paris pertinho da minha casa, é minha fromagerie favorita e como eu tenho uma relação de amor por ela, não conseguia traí-la.

loja de queijos em parisdoce de leite em paris

Apesar de eu amar queijos loucamente, nunca consegui fazer um post sobre o assunto, pois toda vez que começo a escrever, me vem à cabeça uma infinidade de tipos, eu penso num que gosto mais, mas daí me lembro do outro e minha cabeça dá um nó.

fromagerie em paris

É como o estranho fenômeno que ocorre quase toda vez que vou na fromagerie. Piro e em vez de comprar só um queijo, saio com três, uma manteiga e um creme na sacola. Na hora de escolher é aquele teste de paciência com o vendedor, peço para provar um de cabra, mas compro o de vaca, quero um de pasta dura, compro o de pasta mole, mas saio de lá pensando no de pasta prensada.

queijo brie de meaux

E com isso, já provei mais de 60 tipos de queijos aqui. E amei todos, isso é o melhor. Ou o pior, depende do ponto de vista. Considerando que os queijos franceses normalmente têm pelo menos 30% de gordura e alguns como o queijo brie chegam facilmente a 60%, já comi muita manteiga aqui!

queijos top em paris

Do alto da minha infidelidade, fui a Quatrehomme e entendi porque ela é tão bem recomendada. Minha gente, se comparada as concorrentes, ela é maior, tem mais atendentes, eles são mais simpáticos e pacientes (dentro do limite de atendimento francês) e alguns ainda falam inglês, além da loja ter alguns outros itens além de queijos, como vinhos, embutidos e geléias que não são tão comuns em outras fromageries. Resumindo, o paraíso para os turistas. Tinha americano falando “fromage (queijo)” com sotaque inglês e enchendo a sacola lá.

onde comprar os melhores queijos em paris

Brie de Melun e de Meaux, considerados os dois melhores bries franceses. Tipo a 8a. maravilha do mundo. Mas bem mais forte que os bries vendidos no Brasil, tá?

queijos franceses
queijos franceses top

Leite, manteiga, iogurte, creme de leite e até alguns sucos (que são mais raros de se ver em outras fromageries):

laticinios em paris

Queijo comté, uma das minhas paixões. Lembra um parmesão, mas é mais amanteigado, macio e frutado e menos salgado. Minha dica é que você compre com maturação de pelo menos 18 meses, mas se puder gastar mais um pouquinho, invista num de 36 meses, uma coisa de louco!

queijo comte

Um tipo de pizza, tortas, massas e uns salgados:

melhor loja de queijos de saint germain des pres

Eles cortam presunto cru na hora (não estão nesta foto) e ainda têm outros embutidos:

melhor loja de queijos de saint germain

Vinhos e vários tipos de biscoitos e algumas madeleines na foto da direita. Tinha cada biscoito, queria comprar todos:

melhor loja de queijos de parisonde comprar queijo em paris

Até chocolate tem lá! Esses são do Michel Cluizel, difíceis de se achar em Paris:

melhor fromagerie de paris

A mineira aqui não resistiu e comprou esse doce de leite. Bem parecido com o mineiro, mas menos doce. Posso confessar? Prefiro os argentinos:

fromagerie quatrehomme

Comprei um pedaço de queijo Tomme de Savoie com 45% de gordura (de leite de vaca, pasta prensada não cozida, é forte, mais firme e puxa para o salgado), esse doce de leite e uma geléia de clémentine, que é uma tangerina menor, mais concentrada, doce e azedinha, resumindo, perfeita! A clémentine é uma fruta do inverno e se você estiver em Paris nessa época, passe numa feira livre e prove uma.

melhor fromagerie de saint germain des pres

Quatrehomme, fromagerie perto de Saint-Germain-des-Près, 7o. arrondissement

62 Rue de Sèvres
Metrô: Vaneau (linha 10) ou Duroc (linhas 10 e 13)
Horário de funcionamento: de terça a sexta 9h-13h e 16h-19:30h, sábado 9h-19:30h (no verão eles fecham entre 13:30h e 15:30h no sábado, abrem 15 minutos mais cedo de terça a sábado e fecham 15 minutos mais tarde durante a semana)
Tel: +33 (0)1 47 34 33 45
Site aqui

O que fazer lá perto?

  • O Jardim de Luxemburgo está a 1,2 km (que tal se abastecer na fromagerie e fazer um pic nic no Jardim?);
  • o gostoso bairro de Saint Germain des Prés a 1,3 km;
  • Le Bon Marché e La Grande Épicerie de Paris, loja de departamentos mais fina e supermercado de luxo da cidade, a 500 m;
  • tomar um café “daqueles” no Café Coutume, onde tomei o melhor cappuccino de Paris e da minha vida até agora, a 500 m;
  • almoçar no Le Comptoir du Relais, um dos melhores restaurantes de Paris e com ótimo custo x benefício;
  • visitar o túmulo do Napoleão e exposições sobre a França militar no Hôtel des Invalides, a 1,1 km.

Fotos: Cozinha vibrante

  1. Tortura é crime, sabia? Eu amo queijo!

  2. Cássia disse:

    Sou apaixonada por queijos também! Amei o post! <3 Mas a foto do instagram não apareceu pra mim. Deu "content unavailable", mesmo dando refresh na página várias vezes… Bjos!

  3. Patricia Giesteira disse:

    Tenho adorado todos os teus posts. Viajo junto… Parabens pelas reportagens e pela simpatia.. Beijos,
    Paty (amiga da Virginia)

  4. BEATRIZ MACHADO BITTENCOURT GUZELLA disse:

    QUE PERDIÇÃO!!! AMO AMO AMO QUEIJOS!!! COM UM VUNHO ENTÃO, SEM COMENTÁRIOS!
    BEIJOS

  5. Amélia Machado Bittencourt disse:

    Lê, seu pai esta reclamando que vc nao nos levou aí, embora ele nao liga mto para queijo, mas as suas fotos e comentários estão de encher os olhos e a boca tbem. Parabéns, esta mto convincente. Adoramos. Me aguarde..Bjs.

  6. Mas você já tentou comer queijo puro? Ai como eu gosto…
    Sei dessa receita do leite condensado na panela de pressão, mas nunca fiz aqui, óbvio que no dia do desejo enlouquecedor, vou me lembrar da sua dica. Aliás, me explica o que não fica com feito de leite condensado?!

  7. […] Fromagerie Quatrehomme: loja de queijos que também vende um pouquinho de tudo: doce de leite, vinhos, biscoitos, geléias e presunto cru. Perfeito para se abastecer para um pic nic no Jardin du Luxembourg, que fica pertinho. A Quatrehomme tem atendimento amigável e alguns atendentes falam inglês, ou seja, é perfeita para os turistas. Para mim, vir a Paris e não comprar queijos numa fromagerie não vale! Leia mais sobre ela aqui no All We Need is Food. […]

  8. Le! Esse lugar é o Paraíso, mas pelo jeito que você escreve dá mais vontade ainda!

  9. […] Café Constant Le Comptoir du Relais Paris Pêche Retro Bottega Breizh Café Le camion qui fume Quatrehomme La Derniére Goutte Café Coutume La Caféothèque Sugar Plum Cake Shop La Manufacture de Chocolat […]

  10. […] já falei neste post aqui em que conto algumas curiosidades sobre os parisienses, a vida na cidade luz parece de antigamente. […]

  11. […] Loja de azeites e presunto cru Bellota-Bellota: esta unidade fechará apenas no dia 15 de agosto Quatrehomme: fechado de 10 a 18 de agosto Café Coutume: fechado de 15 a 24 de agosto e quando aberto, estará […]

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

[instagram-feed]