Risoto perfeito de três queijos com abóbora e couve

23

fev 2015

Oba! Essa semana vamos ter três receitas! Começamos pelo risoto perfeito de três queijos com abóbora e couve e depois teremos o carré de cordeiro e o quiabo sequinho que de tão gostoso até convence algumas pessoas a passar a gostar de quiabo (foi o que aconteceu aqui). O resultado é um prato de comida mineira moderna tão saboroso, mas tããão delicioso que a gente até “lambe os beiços” como dizemos lá em Minas. Ô trem bom!

Os três queijos da receita de hoje deixam o risoto mais cremoso e encorpado e por incrível que pareça dá para sentir o gosto dos três: parmesão, brie e gorgonzola. Fica uma mistura muito gostosa!

Essa receita é ótima para receber. Dá até para fazer uma boa parte dela na véspera. Você deixa tudo picado, a couve e a abóbora refogadas e faz o risoto até a etapa do vinho, inclusive. Deixa o risoto na panela e depois continua a receita.

Mãos à obra e arraso na certa?! continue lendo


Braz Trattoria ou um ótimo restaurante despojado de shopping

19

fev 2015

restaurante braz trattoria sao paulo sprestaurante braz trattoria sao paulo sp

Não sou fã de shopping center e tendo a achar que a maioria dos restaurantes de shoppings são padronizados, não têm nada de especial e você ainda paga caro por uma comida regular. Agora imagina a Trattoria Braz, que ousou o suficiente para se lançar em um shopping, o Cidade Jardim em São Paulo.

restaurante braz trattoria sao paulo sp

Dado esse contexto, fui sem esperar grandes coisas. Adorei ter quebrado a cara.

Com comida boa, cardápio fácil de agradar, preço razoável, decoração industrial, ambiente despojado e atendimento simpático, a tratoria me convenceu. Para mim, é um ótimo restaurante despojado de shopping. continue lendo


Salmão gravlax tão simples para nunca mais comprar pronto

17

fev 2015

Já pensou em servir para os seus convidados um petisco com salmão gravlax feito por você? O pessoal vai adorar e você mais ainda porque esse salmão cru curado em sal e outros temperos leva 10 minutos para ser preparado. Tá para existir uma receita mais prática, fácil, rápida e deliciosa que essa, viu?

Aprendi essa receita na Ferrandi, a escola de culinária onde estudei em Paris. Foi na primeira vez que cozinhamos para o restaurante da escola que é aberto ao público. Fiz ele com ostra fresca, creme de ostra com batata e geléia de espinafre, ficou tão gostoso.  continue lendo


KGB, o restaurante mais casual e barato do Ze Kitchen Galerie

13

fev 2015

O chef William Ledeuil tem duas casas em Paris, o Ze Kitchen Galerie com 1 estrela Michelin e o KGB, Kitchen Galerie Bis ou Bistro, seu restaurante mais casual e barato. Ambos ficam em Saint Germain des Prés e fazem uma cozinha moderna com grande influência asiática, principalmente tailandesa. Sua comida é leve, fresca e tem uma combinação de sabores exótica e bem sucedida.

Tive a oportunidade de trabalhar com Ledeuil por um dia na Ferrandi, quando ele foi “professor por um dia” e cozinhamos juntos para o restaurante da escola que é aberto ao público. Foi memorável, aprendi muito e fiquei louca para conhecer um dos seus restaurantes.

Fomos então ao KGB e não surpeendemente, adorei a experiência.

kgb kitchen galerie bis restaurante pariskgb kitchen galerie bis restaurante paris

A comida é deliciosa, o ambiente é moderno e o atendimento foi simpático. No almoço durante a semana tem menus de € 29 a € 36. Nos jantares e no almoço aos sábados há duas opções de menus mais elaborados por € 55 e € 62 e em todos os horários tem o serviço à la carte com preços similares ao que mostrarei aqui.  continue lendo


FAQ Ferrandi

FAQ Ferrandi

11

fev 2015

Como muitos de vocês têm as mesmas dúvidas sobre estudar culinária em Paris, fiz esse conjunto de Perguntas e Respostas mais frequentes de vocês. Elas se referem ao meu curso de gastronomia em Paris, na Ferrandi, e um pouco também sobre o custo de vida e como alugar apartamento na cidade.

continue lendo


Por que o restaurante Mocotó em São Paulo é tão famoso

10

fev 2015

restaurante bar cachacaria esquina mocoto sp

Restaurante Mocotó, culinária original, com 40 anos de história, fundado pelo pernambucano Sr. José Oliveira de Almeida e hoje tocado por Rodrigo Oliveira “Mocotó”, da 2a. geração da família. Preocupado em fazer uma comida nordestina de alta qualidade que combina o tradicional e o moderno, com um ótimo atendimento. Ele já seria sucesso só por ser uma raridade em São Paulo, pois aqui não se acha comida do sertão em qualquer canto, mas lá tem “A” comida nordestina!

Pense em uma comida gostosa e em um cardápio que você quer pedir de tudo, inclusive as caipirinhas. Uma coisa de louco! Não é à toa que o Mocotó ficou merecidamente tão famoso e foi considerado o 12o. melhor restaurante da América Latina em 2014 pela revista britânica Restaurant, estando atrás apenas dos brasileiros D.O.M. e Maní.

Sabe aquele restaurante diferente que a gente tem vontade de ir quando está cansado da mesmice? Aquele lugar de comida brasileira bem gostosa que a gente quer levar um amigo estrangeiro? Um bar com bebida boa e petiscos deliciosos que a gente quer ir com uma turma e ficar de papo a tarde inteira? Para todas as perguntas, a resposta é o Mocotó.

restaurante bar cachacaria esquina mocoto sp

restaurante bar cachacaria esquina mocoto sprestaurante bar cachacaria esquina mocoto sp

Fica na Vila Medeiros, longe do centro expandido da capital, não aceita reservas e aos sábados e domingos para o almoço nem pense em chegar depois das 11:30h para não amargar em uma fila de mais de 2h. Durante a semana e em feriados prolongados é mais tranquilo.

É restaurante, bar, cachaçaria e ainda tem um empório com vários produtos nordestinos como manteiga de garrafa, pimentas, melado, farinha de mandioca, compotas, cocada, rapadura, entre outros. Atenção: o restaurante Mocotó não é o mesmo da Esquina Mocotó, mas eles ficam ao lado um do outro e pertencem aos mesmos donos. A diferença é que no Esquina a comida, nordestina, é mais moderna, gourmet. Ele costuma ter menos fila que o clássico Mocotó. continue lendo


3 receitas de purês diferentes para sair da mesmice

09

fev 2015

3 receitas de purês diferentes para sair da mesmice é um salva vidas da dona de casa, rs. Purê é tão prático de fazer, gostoso e nutritivo que não deveria ficar esquecido, né? Às vezes a correria do dia a dia nos atropela e a gente acaba não tendo idéias para variar do corriqueiro purê de batatas. E o bom do purê é que se a gente maneirar na quantidade de manteiga, tem uma opção saudável e leve para as nossas refeições.

Os purês de hoje são de cenoura com mostarda, de mandioca (ou aipim) e de mandioquinha (ou batata baroa). Na foto acima eles aparecem nesta ordem no sentido horário.

As receitas levam leite, mas a notícia boa para os alérgicos é que dá para substituir o leite de vaca por leite de amêndoas ou de arroz e a manteiga por becel azul ou azeite de oliva.  continue lendo



Página 28 de 62« Primeira...1020...2627282930...405060...Última »