Espaguete à carbonara original e simples, em 30 minutos

espaguete a carbonara

Espaguete a carbonara, que coisa maravilhosa. Você já provou? Também adora tanto quanto eu? Se não adora, experimente de novo, dê uma chance…

Preciso confessar que eu mesma não gostava de espaguete a carbonara. Até que uma amiga me convenceu a provar novamente, depois de me contar que passou 15 dias de férias na Itália e comeu carbonara todos os dias! Hahahaha, não é à toa que é minha amiga. Acho que o único carbonara que eu tinha provado na vida levara creme de leite e como só gosto de creme de leite com moderação e nas receitas certas, achava que não gostava da massa.

Foi então que eu provei o verdadeiro carbonara, sem creme de leite e cremosíssimo em função dos ovos e do queijo. E a panceta crocante para fechar com chaves de ouro! Meu Deus, que coisa gostosa!

Desde então, fiz várias receitas de espaguete a carbonara. Umas com menos ovos, menos queijo, só parmesão, só pecorino, parmesão e pecorino, só ovos, só gemas, ovos e gemas. E hoje passo para vocês a minha receita preferida de espaguete a carbonara. Ela leva mais ovo e queijo que a maioria das receitas por aí, mas é a que fica mais cremosa e parecida com a do Tappo e de outros restaurantes que servem carbonaras muito bons.

espaguete à carbonara

Espaguete a carbonara

Rendimento: 4 porções para prato principal
Tempo de preparo: 30 minutos

200g de guanciale, panceta ou bacon*
150g de queijo pecorino ralado**
400g de espaguete
4 ovos inteiros
5 gemas
sal e pimenta do reino a gosto

* O carbonara italiano tradicional é feito com guanciale, que é a bochecha de porco esfregada com sal e pimenta do reino e curada por cerca de 3 semanas. Aqui no Brasil não é fácil encontrá-la, por isso um bom substituto é a panceta, que é a barriga de porco curada no sal e temperos por cerca de 3 meses. Faço o meu carbonara com panceta comprada no Mercado Municipal de SP. Se você também não encontrar a panceta, substitua pelo bacon, que é mais barato, mas também menos saboroso se comparado aos outros dois.

Compre a panceta inteira ou um pedaço dela, mas não compre já fatiada. Corte você mesmo em palitos. Segredo: congele a panceta antes de cortá-la, ela fica firme e com isso, é muito mais fácil cortá-la em palitinhos.

** Use 100% pecorino ou 50% parmesão e 50% pecorino. Sendo 100% pecorino, o carbonara ficará mais salgado.

Coloque água e 1 colher de sopa de sal para ferver em uma panela grande. Enquanto isso, cozinhe a panceta em uma frigideira sem óleo. A própria gordura dela será suficiente para fritá-la. Tire a panela do fogo assim que os pedaços estiverem dourados. Reserve. Se tiver muita gordura, coe e reserve apenas a panceta e um pouquinho da gordura.

Coloque o macarrão na panela quando a água estiver fervente. Mantenha o fogo alto e e verifique o tempo de cozimento da embalagem. Enquanto ele cozinha, numa tigela grande onde você servirá a massa, misture os ovos e o queijo com um garfo. Se estiver usando bacon, tempere também com pimenta do reino (o guanciale e a panceta já têm bastante pimenta do reino).

Assim que a massa estiver cozida, escorra. Transfira imediatamente a massa e 1/2 concha do líquido de cozimento para a tigela com ovos e misture bem. Mas tem que ser imediatamente pois é o calor do macarrão que vai cozinhar um pouco os ovos e misturar bem vai ajudar a deixar a massa mais cremosa. Adicione a panceta e misture novamente. Acerte o sal e a pimenta do reino, se necessário.

espaguete a carbonara

Juro que a massa fica com mais creme do que aparece na foto. Na correria para tirar foto rápido com meu marido me esperando para almoçar, acabei não pegando o creme do fundo da tigela. Falha minha, mas fique tranquilo que a massa fica super cremosa!

As cerâmicas lindas dessas fotos são do Atelier Paula Almeida que fica na Rua Baluarte, 74, Vila Olímpia em São Paulo. Telefone: (11) 3849-2279.

Fotos: Cozinha Vibrante

  1. Bel disse:

    Gente,

    eu estou rindo aqui lendo o post porque eu achava que o carbonara era feito de forma completamente diferente! Como pode? Não achei complicado mas achei que é essencial seguir a receita porque senão não fica o mesmo sabor.
    Quero testar aqui em casa. Bjs

  2. Marta Ricardo Rolhas disse:

    Só uma correcção… É EspaRguete!!!!! xD

    • Dirjenane Nunes disse:

      Na verdade, tanto esparguete quanto espaguete estão corretos. Sendo que o primeiro é como se fala no Português europeu (de Portugal). Espaguete é como se diz no português brasileiro.
      Como o blog é de uma brasileira, ela escreve com o português brasileiro, que é diferente do português de Portugal. A senhora, pelo que vejo, é portuguesa não é?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

[instagram-feed]